Capitulo 6.

Naquele dia, ou melhor, naquela noite, eu dormi como um anjo.... Me senti tão bem que quando me joguei no saco de dormir, apaguei totalmente... Há tempos não dormia tão bem assim!
Mesmo dormindo bem, acordei de madrugada, horário que costumava acordar na casa da tia Eva para começar a limpar tudo....
-Já acordada? - disse Felipa levantando-se para ir ao banheiro.
-Sim... Não consigo dormir, acho que ainda estou ligada aos horários que costumava ter na casa da minha tia... - falei bocejando.
-Tudo bem, eu também não consigo dormir! Primeiro dia de férias a gente quer fazer de tudo e logo cedo né!!!
-Eu não sei... Nunca tive férias - ri sem jeito - Você esta de férias? falei levantando.
-Sim!!! Hoje começou as férias de final de ano! Estou tão feliz!!!
-Que maravilha! Tinha que esquecido que já estamos em Novembro! Mas férias não são em Dezembro?
-São sim, mas não na minha escola, lá começa no primeiro dia de Novembro, os professores fazer excursões de final de ano, eles vão para um tour em várias cidades, é como se tirassem férias pra estudar - sorriu.
-Poxa que interessante! - falei surpresa... Logo me veio uma ideia! - Fe, que tal se a gente mudasse o seu visual também???
-O meu? - falou ela surpresa - Eu não quero pintar meu cabelo de azul e colocar lentes de contato, até porque não tenho outras!
-Não bobinha, vamos arrumar seu visual pra um look novo! Você não falou que na sua escola todo mundo te zoava? Porque não damos uma bela modificada em você? Assim todo mundo te notaria e falaria de você mas não falariam mau, e sim muito bem!!!
-Você tem certeza? Tudo que eu mais quero é deixar de ser alvo das piadinhas do colégio ... - falou ela tristonha.
-Venha comigo! - falei empurrando-a para frente do espelho - Você mesmo vai ver o que eu vou fazer e vai me agradecer no final!
-Como você é gentil!! E nada convencida né? - brincou.
-Fica quietinha ai! - falei rindo. Ela ficou parada e eu comecei a arrumar o cabelo dela. Seu cabelo era lindo, lisinho! Então depois que terminei de pentear, fazer um penteado maneiro e passar uma maquiagem básica, perguntei - E ai, o que achou?
-Nossa! Essa sou eu mesma? - respondeu surpresa!
-É claro né filha! Você tem toooodo esse conteúdo e estava escondendo ele atrás daquelas trancinhas cafonas!
-Você acha minhas trancinhas cafonas é?
-Desculpa... Mas elas não valorizavam o seu rostinho lindo nem um pouco! - falei franca.
-Mas as pessoas vão ficar reparando em mim agora!!!
-E não era isso que você queria?
-Não! Eu queria que elas parassem de zoar comigo! E não que ficassem reparando em mim...
-Mas elas vão parar, você vai ver.... Confie em mim!!!
-Certo... Aiiin eu fiquei linda demais!!! -gritou toda diva - Obrigada Rita, realmente eu te agradeço!
-Imagina, disponha! Você me ajudou a fazer tudo isso - apontei para eu toda - Isso era o minimo que eu poderia fazer por você!
Ficamos brincando e rindo no quarto até umas seis da manhã.
-Oh Jonathan, você é o meu homem! - dizia Felipa para uma pedra pintada - Eu vou te beijar e te apertar e vou cuidar de você e te fazer carinho!...
-Amiga, você esta falando de um homem ou de uma boneca?
-Poxa Rita... Eu gosto dele! Mas acho que ele nunca nem me notou...Você acha que agora ele vai me perceber?
-Mas é claro! Ele só não vai curtir se você chegar falando isso tudo ai pra ele - ri.
-Eu sei né! Só estou botando pra fora meus sentimentos de um jeito meigo e fofo... Coisa que sei que não devo fazer perto dele. - Ela me olhou.... Olhou pra pedra, me olhou novamente e disse puxando meu braço - Já sei!!! Venha, você vai me ajudar!!!!
Na cozinha - Mas eu não sei escrever cartas de amor!!! - falei desesperada.
-Você é esperta, vai saber o que dizer!!!
-Não, não vou! Eu nunca falei com um menino a minha vida toda! Não, minto... Já falei sim, com o menino do jornal, ele tinha nove anos e mesmo assim chutou minha canela! Felipa, eu não tenho jeito com os meninos...
-Por favorzinho Ritinha, me da uma força!!! O natal já é mês que vem e eu preciso enviar essa carta pra ele!
-Porque você não fala diretamente? Meninos detestam receber cartinhas de amor melosas e chatas... - falei entediada, tentando escapar daquela enrascada.
-Viu! Se você sabe do que eles gostam ou não gostam, sabe do que preciso escrever para ter ele pra mim!!
-Não, você entendeu tudo errado! Eu assisto filmes, e não interajo com eles na vida real.. Esquece, eu vou te dar trabalho e vou te envergonhar com essa carta...
-Aff Rita! Deixa de ser chata, eu aposto que você sabe escrever coisas bonitas! Só não esta querendo me ajudar!
-Não é isso Fe.. Eu realmente acho que cartas não ajudam em nada.. 
-A é? E o que você me sugere então? - disse levantando-se.
-Venha... Eu vou ser o tal Jonathan e você chega em mim e me xaveca!
-O que? - espantou-se.
-É!!! Faz de conta que eu sou ele, e você chega em mim e tenta me ganhar, quero ver quais são suas habilidades de sedução! Se você não me impressionar, não vai impressionar ele!
-Como é que você sabe? perguntou.
-Eu não sei, só tô te enchendo pra você tentar!! Vamos!
-Ta bem!... Lá vou eu ...

0 comentários: