CAPÍTULO 11 - UMA BOA NOTÍCIA!

Amanheceu... Eu nunca havia dormido tão bem como dormi aquela noite. Despertei com o som de um galo cantando, me espreguicei e levantei. De frente para a cama tinha uma porta que dava para uma varanda, e ao lado da porta, uma cesta com algumas peças de roupa que Lakota havia separado para mim. Retirei aquela roupa quente demais e coloquei um vestido básico, estava realmente muito calor logo de manhã...


Desci a escada e passei pela cozinha e sala, e não tinha ninguém na casa. Ouvi vozes e fui até a cozinha, saindo pela porta, vi Lakota e Tsuke próximos de um cercado cheio de animais.

_Bom dia! - exclamei, olhando expantada para a quantidade de animais que eles tinham - Quantos bichinhos!!! Olha só! Até uma vaca tem aqui... E é grande! Parece muito saudável!

_Bom dia! - respondeu Lakota com um sorriso - Sim, a Nata nos alimenta muito com seu leite, ela contribui para nossa vida e nós cuidamos com carinho dela, é muito mimada por Tsuke - riu.

Também ri... Que nome mais engraçado pra se dar a uma vaca... Nata... Bom, chamei Lakota e perguntei a ela se já havia falado com Tsuke sobre fazer uma cabaninha para mim e ela respondeu - Sabe que até tinha me esquecido?! Foi bom você ter me lembrado, Tsuke! Vem aqui por favor?


Ele virou-se e caminhou até nós, então Lakota explicou - Preciso muito da sua ajuda meu bem, Susana não tem pra onde ir, e para ela não ficar morando para sempre aqui em casa, sugeri que você pudesse nos ajudar, construindo uma cabana para ela, ali na bancada da montanha... Será que dá?

Ele olhou para mim, ficou me observando, pensou um pouco e disse - Qual o problema de ela morar aqui?

_Tsuke! A menina precisa ter sua própria casa! Não vai ter um lugar para ela pra sempre aqui!

_Porque? Telaka morreu, você não deve ficar guardando o quarto dela pra sempre, como se ela fosse voltar, já disse!

_Não é por causa disso!


Eu ficava só observando, pensei em me meter mas achei melhor não, e continuei calada....

_Então é por que motivo?

Lakota fez uma cara de quem guarda um segredo e não quer contar antes da hora.... Pensou bem e respirou fundo, dizendo - É porque em breve essa casa terá mais um membro! Pronto falei..

_O que? Não entendi - ele falou curioso.

_Quer dizer que eu estou grávida! - exclamou ela toda orgulhosa.

Ele arregalou os olhos, abraçou-a e beijou-a, enquanto que eu já não estava entendendo mais nada... Ela estaria grávida do próprio irmão? Não Susana! Estaria grávida do vento! Era óbvio! Só os dois moravam ali.... Poxa vida, que doideira!


_Faz quanto tempo que você sabia disso? - ele perguntou.

_Um mês... Minhas regras não vieram, então eu logo percebi...

_O que estamos esperando? Vamos olhar a bancada pra ver se dá pra construir a casa! - exclamou ele todo feliz.

Caminhamos até  o morro e de lá dava pra ver a bancada da montanha. Era pequena, mas para uma pessoa só, dava muito bem.

_O que você acha? - perguntou Lakota para Tsuke.


_Acho que dá. Em uns três ou quatro meses fica tudo pronto, incluindo a mobília.

_Ótimo! E você Susana, gosta desse lugar?

Eu olhei bem, era bonito, ficava de frente para o mar, mas acho que não estava bom ali, não poderia ficar abusando deles e olhando um monte de lugares, mas fui sincera... - Eu não acho que eu vá conseguir descer e subir esse morro... Será que não teria outro lugar?

Olhamos em volta, e de repente eu avistei um lugar perfeito! - Ali! - apontei. Caminhamos até lá e eu disse - Aqui seria perfeito! É bonito, e não é um terreno ingreme. O que você acha Tsuke?

_É, acho que você sabe escolher terrenos! - falou - Aqui é bom. Então.. Vai ser aqui mesmo?



_Sim! Gostei muito daqui. É aqui mesmo! Agradeço pela ajuda de vocês! Obrigada Tsuke - sorri agradecida - Mas eu também quaro ajudar na construção! Quero ser útil!


_Você será útil Susana, útil à minha linda mamãe - Apontou para Lakota - Ela precisará de ajuda quando a barriga começar a impedir-lhe de fazer alguns serviços, você acha que é capaz?

_Espero que sim! - respondi contente - Eu nunca cuidei de ninguém, nem de casa, não sei fazer nada, então preciso começar a aprender já!

_Muito bom! - ela disse - Já começa bem quando tem vontade de aprender. Venha, sua primeira lição é fazer o  almoço, vou te ensinar tudo.


_Oba! Então vamos!!! - falei empolgadíssima. Caminhamos os três para casa, Lakota e eu fomos para a cozinha, enquanto Tsuke ia pegar seu machado para começar a buscar madeira para construir a casa e os móveis.

 

_Naquela manhã, Rocal acordou com uma tremenda dor de cabeça...

Bebera muito na noite anterior e estava sofrendo as reações de uma grande e dolorosa ressaca.

Levantou-se do chão, bebeu um pouco de água e lavou o rosto na pia da cozinha, deitou-se na cama de folhas e foi ai que lembrou-se do ocorrido...


_Malditas mulheres.... - resmungou - Não pode-se viver com elas, não pode-se viver sem elas.... Porque elas tem que ser tão complicadas?

Ficou ali deitado e fechou os olhos como quem quer tirar uma soneca e fugir da dor de cabeça... Mas não conseguia, sua consiência ficava a lhe cobrar pelas atitudes de ontem e isso o perturbava...

_Droga! - exclamou irritado - Será que não passei dos limites com ela?

Ficou deitado um pouco mais, lembrando do que havia dito à Susana.


_Acho que peguei pesado... Vou falar com ela... Ela deve estar no quarto, dormindo ainda... Será que eu vou lá agora e a acordo? Será que ela vai me ouvir? Depois de ontem, não sei não... Melhor esperar que ela acorde e desça aqui... Ela não vai poder ficar lá em cima para sempre, até porque o banheiro é aqui embaixo... Não.... Acho melhor ir falar com ela agora...Isso! Vou falar com ela agora mesmo!

 

6 comentários:

Caroline disse...

Oi! Achei lindo o novo desing do blog! Muito legal este capítulo. E vish, o Rocal vai subir e ficar desesperado né?! E obg por visitar meu blog! Xoxo, Meow.

Fer Fer disse...

Caraca mew!!!! Ele vai chega la e n vai ve ela!!! Hahaha! Bem feito, ninguem mando ele se grosso! Aaa to loka pra ver a Susana aprendendo a ser gente xD Fazendo trabalho duro!

Bjo bjão da fer!

The Sims³ Historias disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
The Sims³ Historias disse...

irmão que tem filhos ? entao ta ne na falta vai tu mesmo kkk'
agora a Susana aprende a dar valor.

David Veiga disse...

E a reação do Rocal ao chegar lá e não a ver? O_Õ

Anônimo disse...

Meu nome é Suzana, quando vi que o nome dela é Susana fiquei até empolgada :v