♥ Capítulo 11

Berenice chegou a tardinha e trouxe consigo a tinta para Kaio.
-Mas essa não é a cor do meu cabelo! - disse ele, zangado.
-Me desculpe mas só tinha preto azulado ou vermelho cereja... Prefere que eu volte comprar o vermelho? - disse Berenice em tom irônico.
Ele fez uma cara de "já que só tem esta merda..." e disse - Tudo bem... Valeu! - tomou a tinta em mãos e foi para o banheiro.
-Droga... preto azulado... Fala sério! Ralei anos pela reputação e visual incrível pra vir uma repórter intrometida e estragar tudo...Não acredito nisso...
Ele pintou o cabelo e depois tomou um banho pra tirar o resto da tinta e então foi se olhar no espelho pra ver como tinha ficado. Ao se ver, surpreendeu-se pelo resultado ter sido tão bom!
-Ual! Achei que iria ficar ruim, mas ficou até bem irado! Pelo menos não pareço mais um baitola...
-Kaio... Esta ai? - era Fernando, batendo na porta do quarto.
-Estou no banheiro! Já vou! - gritou Kaio, saindo em direção à porta do quarto - E ai cara, fala ai, beleza?
-Beleza uma merda! Preciso conversar sério com você! - empurrou Kaio pra dentro do quarto e fechou a porta.
-Qual foi irmão? - perguntou Kaio.
-Qual foi? Que história é essa de bater na Jéssica e ainda ameaçar matar ela? - perguntou ele.
-Vish... Não foi nada, ela precisava aprender uma lição, sacou! Hahahaha!
-Pois escuta aqui, não ouse tocar nela novamente, entendeu? - intimou Fernando.
-Como é que é brother? Ta defendendo aquela vadia depois de ela quase ter acabado com a minha reputação?
-Se liga, idiota! Não foi ela! E eu não quero pegar uma garota com hematomas!
-Oras! Então não pegue! - resmungou Kaio - E claro que foi ela, até me confessou antes de eu acertar aquele rostinho lindo - riu.
-Você acha que eu tô brincando? - irritou-se - Eu tenho que pegar ela! Foi a aposta que eu fiz com o outro idiota do Thiago! Mas como é que eu vou ficar empolgado se cada vez que eu olho pra ela agora, vejo aquele olho roxo ridículo!
-Pô cara, foi mal.... Mas eu juro que foi ela! Foi ela que colocou tinta no meu shampoo!
-Não, não foi! Ela pode ser meio tontinha, mas não é tão burra a ponto de uma loucura dessas... - disse Fernando.
-Não acredito que prefere acreditar na vadia ao invés do seu irmão aqui! - irritou-se Kaio.
-Vadia não!!! Ela não é tão fácil quanto você pensa! E também não é uma prostituta, então, não a chame mais de vadia ou eu....
-"Ou eu" o que? Vai me bater como fiz com ela?
-Se for preciso, sim! Abre o teu olho... O recado tá dado! - e saiu batendo a porta do quarto.
-Não acredito que aquela vadiazinha me dedurou pra ele! - resmungou - Ela não perde por esperar! Vou mostrar pra ele a putinha que ela é e ele ainda vai me agradecer!
No quarto, Fernando tentava refletir sobre o que tinha acabado de fazer... Brigou com seu melhor amigo de vida por uma garota de uma aposta...
-O que eu estou fazendo? Defendi ela com unhas e dentes... Nem pensei que talvez ele pudesse estar certo... Mas porque ela faria isso? Não... Estou levando a sério demais esse lance de conquistar ela... Mas também se não for assim, posso acabar perdendo... Ah! Deixa isso pra lá e vamos ver no que vai dar.... Mas perder é que eu não vou!
Jé havia descido para tomar um bom copo de leite antes de dormir, quando encontrou Thiago que assaltava a geladeira.
-O que esta fazendo? - sussurrou ela como se não quisesse assustá-lo.
Mesmo assim ele tomou um susto, pulou e virou-se para ver quem era - Nossa! Jé, é você! Quase me faz morrer engasgado aqui hahahaha.
-Você não sabe que comer assim vai te fazer mal?
-Pior que sei... Mas estou nervoso! - disse, tentando parecer um cara sensível.
-Nossa, que gracinha. Não sabia que homens como você também tinham medo...
-Homens como eu? Que tipo de homem eu sou pra você? - perguntou ele curioso.
-Eu acho você o tipo de homem charmoso, bonito, forte, mas não no sentido de força física, forte por aguentar tudo, porque mesmo você perdendo uma corrida, não perde o sorriso e eu admiro muito isso em você, e o principal, é um homem sincero.
Aquelas palavras penetraram fundo nele, o fez sentir o pior cara do mundo... Ele a estava enganando para levá-la pra cama e pela primeira vez se sentiu mal por isso. Mas não poderia desistir agora, ou Fernando acabaria ganhando...
-Então, princesa, só estamos nós dois aqui... Porque a gente não aproveita um pouquinho, talvez assim eu esqueça meu nervosismo - disse ele todo galante.
-Desculpa anjo, mas não dá, não agora. Eu estou tentando mudar o meu comportamento, então, a gente se vê na corrida amanhã, tente vencer! Mas se não vencer, e se todos te vaiarem, eu estarei lá pra te apoiar no que precisar - disse ela em tom romântico.
Eles se abraçaram e Jé lhe desejou uma boa noite, deu-lhe um beijinho no rosto e subiu pro quarto.
-Essa mina me derruba... - suspirou ele, admirando sua retaguarda até ela sair da cozinha.
Chegando no quarto, Jé foi surpreendida por Jack que a aguardava ansiosa e nervosa.
-Amiga!!! - sussurrou Jack - Preciso muito desabafar!!!
-Então diga! - disse Jé.
-Xiii! Fala baixo! Aqui não, vem comigo. - as duas foram para a saleta ao lado e então Jack disse tudo que estava sentindo.
-Você não tem ideia do que aconteceu! Encontrei Kaio no corredor e...
-Ele te fez alguma coisa de novo? Olha, eu juro que não vou responder por mim se ele tentou algo com você a força! Juro!
-Não! Calma! Deixa eu contar!!! - disse Jack.
-Ta bom... fala logo.
-Então, eu estava passando no corredor, quando dei de cara com ele, não sei o que deu em mim que comecei a chingar ele por ter batido em você... Ele me mandava calar a boca e eu não parava de falar, e você não sabe o que ele fez!
-Eu não sei mesmo, você fica enrolando pra contar! - resmungou Jé, curiosa.
-Ele me beijou!!!! - exclamou Jack em tom feliz.
-Te beijou? E você deixou?
-Foi algo muito rápido, quando vi, nossos lábios já estavam colados... E foi uma sensação tão doida, eu não sei explicar...
-Ta, agora fala, você bateu nele, não é?
-Claro que não! Digo... Foi tão forte que eu não consegui fazer outra coisa além de fugir... Deixei ele lá e saí correndo... O pior é que não consigo parar de relembrar o momento e pensar nele.
-Alô! Jack, acorda! Você não tá apaixonada por aquele idiota, né? Você não pode, e sabe disso! Ele é perigoso!
-Eu sei disso! Mas o que posso fazer...
-Pode esquecer ele! Já imaginou? Se vocês ficam juntos, de repente você descobre que foi traída e vai querer terminar e ele te ameaça? Esse cara é perigoso, viu o que ele fez em mim!
-Eu já entendi amiga... Só quis te contar por que achei que era um assunto interessante... - disse Jack meio que desanimada.
-Não é nada interessante! Você trate de esquecer aquele otário! Ele nunca iria fazer bem a você. Agora vamos dormir, e por favor tenha juízo - disse Jé abraçando Jack.
Jé tinha ficado realmente perturbada com a ideia de sua melhor amiga estar gostando de um cara como ele... Isso não poderia acontecer... Ele era perigoso de verdade!

O dia clareou! E todos já estavam de pé! A manhã seria muito agitada para todos, pois era o dia da corrida!!!
Todos estavam vestidos com seus uniformes de corrida, pois as fotos pra revista que iriam tirar ontem havia sido transferido para hoje cedo antes de irem para a pista.
-Vamos logo Jack! Eu não quero atrasar eles! - disse Jé, ansiosa.
-Calma! Estou terminando de me arrumar! Mas venha aqui, quero fazer uma coisa em você.
-Em mim??? E o que seria?
-Você não quer ir assistir a corrida com esse olhão roxo não é? Venha, vamos passar um corretivo, uma base, algo que tampe um pouco essa marca horrível!
-Obrigada - disse Jé indo até ela. Jack arrumou sua maquiagem e maquiou Jé, tampou o máximo que pôde o roxo de seu olho e não ficou nada mal!
-Obrigada de novo maninha! Eu não conseguiria fazer isso.
-É porque você é boa com fotos, eu sou boa na maquiagem! Agora vamos! Você tem fotos a tirar!
-E a Gabe, cadê? - perguntou Jé.
-Iiii! Nem te conto, é uma longa história, depois eu te explico, vamos!
As duas desceram as escadas e chegando lá, todos eles estavam impacientes loucos para irem logo começar o que faziam de melhor.
-Vamos lá meninos, todos vocês, lá fora, quero todos juntos em frente a piscina!
E lá foram todos para fora da casa posarem na frente da piscina...
-Muito bem... Muito bom! Isso, perfeito! Não se mexam! Digam X!
-Ual, ficou perfeita! Muito bem, podem se mexer agora! - riu.
-Podemos ir agora senhorita fotografa? - disse Thiago sorrindo.
-Claro, podem ir! - autorizou ela fingindo ser a manda-chuva - Todos para a garagem!!!!

7 comentários:

Fer Fer disse...

A-D-O-R-E-I!!!!
eLES FICARAM DIVOS MARAVILHOSOS NA FOTO QUE A JE TIROU! TUDO DE BOM! POSTA O PROXIMO LOGOOOO AAAHHH QUERO VER ESSA TAO ESPERADA CORRIDA!

BJO BJAO DA FER!

Caroline disse...

Ansiosa pela corrida...As garotas e eles ficaram linds!!

Aníbal disse...

Oi Jéssica! Estou acompanhando sua história!
Ainda meio perdido com a Je e a Jack, mas depois "desconfuso" SUHAUSHA'
Amei o "casal" Jack e Kaio, aliás gostei bastante dele, embora ele tenha batido na Jê u___u'
Vou acompanhar! Estou doido pra saber o que acontecerá nessa corrida ;]
Você falou em um dos meus blogs sobre parceria... Aceito =]
Vou divulgar nos dois =]
Beijos ;*

http://www.dredwardsmith.blogspot.com.br/
http://oswolffs.blogspot.com.br/

Jessica - Ciana disse...

Obrigada Aníbal pela visita! E por estar gostando da história, isso me deixa muito feliz!!!!
Que bom que aceitou a parceria! Irei divulgar os seus blogs =)

Grande abraço!!!! Jeh♥

Aníbal disse...

Não foi nada, Jeh =]
Espero que tenha gostado das minhas também =]

Beijos ;**

BeAz disse...

Os machos ficarão uma bomba, adorei!

Jessica, eu não consigo copiar o link de parceria para colocar no meu blog, pois o seu blog não permite isso. Poderia colocá-lo aqui, talvez aqui consiga copiar.

Beijinho quida!♥

David Veiga disse...

EEEEEH! O "Kainho" ficou lindo com a cor do cabelo assim. A Jé já esta a se dar bem com o Thiago. A Jack gostou do beijo que o "Kainho" lhe deu. Cadê a Gabe? O_Õ

Espero que tudo se resolva entre elas.

Beijooos!