♥ Capítulo 9

Todo mundo desceu para tomar café, Berenice havia preparado deliciosos quitutes e o cheiro estava bom demais.
-Aí? O que é aquilo ali? - apontou Rodrigo em direção a Kaio.
-Não enche cara.. - resmungou ele puxando mais o gorro...
-Aaaahh manoo!! O que aconteceu com seu cabelo? Caraca HAHAHAHAHAHAHA!!!
-Ae eu disse não enche! - gritou ele, zangado.
-Deixem ele em paz... - disse Wesley no seu canto.
-As meninas vão amar o seu novo visual cara! - zombava Rodrigo.
Wesley então lembrou-se do dia em que encontrou as duas xeretando no corredor dos quartos, e elas estavam paradas na frente da porta do quarto do Kaio...
-Ei Thiago - disse Wesley - Por acaso as garotas foram falar com você pedindo sua cueca?
Ele estranhou a pergunta e começou a rir - Que mané cueca, ta louco? Ninguém falou disso comigo. Porque, você quer uma? - riu.
Ele fez como se nem notasse a brincadeira e saiu da cozinha.
Chegando no corredor, encontrou as meninas que desciam para tomar café.
-Bom dia - disse Jack e Jé juntas.
Ele as barrou na escada e disse - Eu sei que foram vocês... Estão metidas nisso!
Elas se entreolharam sem saber do que se tratava - Como? Do que esta falando? - perguntou Jack.
-Não se façam de sonsas... Foram vocês que armaram para o Kaio! Confessem!
Elas engoliram a seco, Jack já estava quase entregando quando Jé disse - Cara! Você não parece bem... Sério! Tem se alimentado bem? Olha me desculpa, mas a gente não ideia do que você esta falando, agora da licençinha porque estamos com fome e vamos trabalhar hoje.
Deram a volta e o deixaram sozinho - Essas duas se acham muito espertinhas... Mas elas não sabem nada...
Chegando na cozinha...
-Meu Deus! - exclamaram as duas batendo os olhos nas belas madeixas de Kaio, e começaram a rir.
-Parem! Parem todos! Eu tô com cara de palhaço é? - perguntou ele, furioso.
-Não a cara não, só o cabelo hahahaahahahah!!!! - zoou Jé - Tem que tomar cuidado com o tipo de shampoo que você usa!
Na hora ele sacou... Foi ela! Pois apenas Fernando sabia sobre o shampoo porque fora ele quem contou, e pra mais ninguém... Levantou-se e saiu da cozinha como se nada tivesse acontecido.
Todos lancharam e riram do pobre coitado que foi o assunto do dia. Depois, Jack foi entrevistar Rodrigo que havia aceitado seu convite durante o café, e Jé foi se arrumar para procurar Fernando.
-Ok, podemos começar? - perguntou Jack.
-Claro. Manda ver - concordou Rodrigo.
-Certo. Primeira pergunta, Como se sente sabendo que a corrida é amanhã?
-Bom, estou um pouco nervoso, como todos devem estar, mas confiante, porque sempre dou o meu melhor!
-Muito bom! E quanto ao seu irmão, acha que ele vai te passar desta vez?
-Nem pensar, ele nunca passa! Esta sempre atrás de mim hahahaha.
-Hehehe... E você já sabe sobre onde será exatamente a corrida?
-Sim. Vai ser dentro da cidade. Tudo já foi organizado e a população já foi avisada. Estão todos ansiosos!
-Maravilha! Mas me conte, mudando um pouco a direção do assunto, vamos falar de mulheres!
-Essa é a minha área preferida - brincou ele.
-Bem, corre o boato de que você tem um novo apelido, Dragão o destruidor de corações. Isso é verdade?
-Bem, eu não sei como as mulheres que passaram pela minha vida me chamam, mas eu até gostei do titulo! - riu - Não tenho culpa se elas se derretem por mim, eu não me apaixonei por nenhuma delas até agora, por isso não fiquei com ninguém. Agora, se ficaram bravas, a culpa não é minha.
-Entendi... - e os dois continuaram a entrevista...
Jé havia ido para o quarto e passando frente a porta que dava para a saleta, foi surpreendida por Kaio que a aguardava ansioso para acertar umas contas.
-Agora a gente vai ter uma conversinha! - disse ele pressionando-a contra a parede.
-Me larga! Seu idiota! - gritou ela.
-Ah não! Antes você vai me dizer porque fez isso!
-Isso o que?
-Não seja idiota! Estou falando do meu cabelo!
-Eu não sei do que esta falando!!! - mentiu.
-Pare de enrolar e me conte logo antes que eu perca a paciência, vadia! - berrou.
-Ah é? E vai fazer o que? Me matar?
-Quem sabe... Eu posso dizer que você foi pegar um ar na sacada e acabou caindo sem querer... Não vai morrer mas vai se machucar um pouco e vai saber como sou perigoso!
-Ótimo! Me joga! daí que sua reputação vai piorar mesmo! Nenhuma fiança do seu amiguinho vai pagar um assassinato! E você vai amar as fotos que tirei escondida e que já foram pra faculdade, estão só esperando minha autorização pra publicarem! - ameaçava ela.
-ANDA LOGO! ME FALA! PORQUE FEZ ISSO?
-Porque acha que fui eu?
-Você se entregou sozinha, idiota, quando falou do shampoo... Só o Fernando sabia!
Elas fez uma cara de como quem mal se importava e disse - Droga... Na próxima serei mais discreta!
-Aaahh então foi mesmo você!
-Foi! - disse ela confiante - Pra você aprender a não mexer coma minha amiga! Soube que tentou agarrar elas duas vezes! Você não tem vergonha?
-O que eu faço é problema meu, não diz repeito a você!
-Não quando você envolve minha amiga! E fica esperto porque se mexer com ela de novo eu faço coisa pior, entendeu?
Ele estava tão furioso que deu-lhe um soco no rosto, fazendo-a bater a cabeça no rádio e caiu no chão.
-Saiba você que se voltar a se intrometer no meu caminho, é você que vai ter que ficar esperta! Eu não tenho medo de bater em garotas como você! Fáceis e vulgares, você é mulher de malandro, daquelas que adora apanhar! Fica esperta garota porque se tiver uma próxima, eu posso acabar te matando! -
-Você é um covarde... - murmurou ela sentindo dor - Tenho nojo de você!
-Esta avisada! Não se meta comigo! Eu juro que posso ser muito mais "covarde" que isso! - e dizendo isso, saiu do quarto furioso.
Gabe que dormia ali, acordou com o bater da porta do quarto e se levantou, morrendo de dor de cabeça e não se lembrando de nada... Caminhou até a sala pra tomar uma água quando encontrou Jé caída no chão.
-Minha nossa senhora!!!!! O que houve?? - perguntou ela aflita.
-Não foi nada... Eu só caí... - mentiu tentando esconder as lágrimas.
-Mas você esta bem? Eu ouvi um barulhão quando acordei.
-Estou bem, foi só uma queda... Venha, me ajude a levantar.
-Mas e esse sangue? Porque você esta sangrando? - perguntava Gabe preocupada.
-Não se preocupe, eu bati na ponta do rádio, não sei, eu não me lembro. Mas esta tudo bem, eu juro, não precisa se preocupar.
No fundo, no fundo, Jé havia ficado com medo dele... Nunca pensou que pudesse acontecer isso com ela. E se ele realmente a tentasse matar? Se ele não se importou em bater nela agora, algo mais grave não teria problema nenhum também. E ela conhecia a fama de bêbado vândalo dele...
-Tem certeza mesmo que esta bem? - perguntou Gabe.
-Sim! Já disse! Agora, vai lá tomar café enquanto ainda tem, a Berenice saiu e não sei que horas volta, pode deixar, eu vou cuidar desse corte.
-Esta bem então - Gabe se vestiu e saiu, deixando-a sozinha no quarto.
Jé limpou o corte, e colocou um óculos escuro. Talvez seu olho ficasse roxo ou talvez não... Mesmo assim ela não queria que ninguém visse nada... Depois procurou por Jack, que estava no escritório passando a entrevista que fez com Rodrigo para o computador.
-Amiga! Que bom que apareceu! Veja, essa entrevista ficou um arraso! Eles com certeza vão adorar!... Xiiii Que foi em? Porque esta de óculos escuro dentro de casa? Aconteceu alguma coisa?
-Aconteceu o que podia acontecer de pior! - exclamou Jé, com medo e com raiva.
-Nossa! - disse ela, quando Jé tirou os óculos... - Quem fez isto?
-Adivinha....
-Wesley?
-Não! O Kaio! Aquele filho da mãe miserável! - rosnou Jé.
-Aff! Não creio! Mas porque?
-Ué porque! Porque ele descobriu o lance da tinta no cabelo!
-Puts!!! E agora? Ele vai vir tirar satisfação comigo também!!! - preocupou-se Jack.
-Não esquenta, eu disse que fui eu que fiz tudo. Ele nem sabe que você participou.
-Sério amiga? Poxa... Não sei se fico contente ou triste! Porque eu fui apoiar essa ideia idiota sua?!
-Agora não adianta ficar choramingando Jack, eu já sei como vou resolver isso...
-Você não ta pensando em fazer nenhuma besteira né?
-Não sei, depende do ponto de vista de cada um... Bom, vou fazer umas coisinhas, a gente se vê! - e saiu deixando Jack ainda mais preocupada...

5 comentários:

David Veiga disse...

Nossa, decepcionei com o Kaio. :'( Que covardão, bater em mulher, ah pfvr, né?
Tomara que a Jéssica faça coisa pior e ele não possa fazer nada mais contra ela.

Beijooos!

BeAz disse...

Kaio é um covarde, o elo mais fraco. Quando os outro souberem de certo que irá ser gozado por isso. Jé não deve deixar ficar assim.

Beijinho!

Guilherme Pokis disse...

Pessoal, votem na minha enquete no meu blog. Preciso saber da opinião de vocês!
http://thesims3pt.blogspot.com.br/

Fer Fer disse...

Meu Deeeeuuu que covardeee malditooooo!!!! Alguem tem que matar ele!!!! Cade o capitulo 10!!! Eu queroooooo!!!!
Bjo bjao da Fer!

Karen Reichert disse...

Ola.
Meu blog é http://minhavidanothesims3.blogspot.com.br/.
Estou fazendo outra historia agora.
Bjos.