✿ Capítulo 9

Mais tarde, George entrou no quarto e viu Luciana dormindo tranquilamente em sua cama, e admirando-a, ficou recordando o dia em que ela chegou...
-Como o tempo passa rápido... - pensou ele, emocionado. Augusta tinha lhe contado o que Luciana lhe disse quando acordou, e ele ficou encucado com aquilo tudo.
Seria possível ela ter feito mesmo tudo isso? Ele ficou ali, viajando em meio aos pensamentos, quando Augusta entrou.
-George meu bem, temos que conversar  - disse.
-Tudo bem, o que é? - perguntou.
-Eu liguei para a professora da Luci, e ela me disse coisas horríveis...
-Mas que tipo de coisas? Sobre a nossa Luci? - perguntou George.
-Sim. Disse que Luciana é diferente dos demais alunos, é atrasada no raciocínio, é distante, vive no mundo da lua, e não se encaixa nos padrões da escola.
-Que mulher mesquinha! - retrucou George, ofendido - Nossa Luci é um doce! Como ela pode falar assim com tanto desprezo de uma aluna?
-Pois tem mais. Disse que Luciana fez alguma coisa horrível com os outros alunos, eles estão assustados e traumatizados com algo que ela fez. - disse Augusta.
-Mas como assim? Luci é a menina mais singela que eu conheço, não seria capaz de fazer coisas para assustar os outros, você a conhece Augusta!
-Eu sei George! Não estou defendendo a professora, a questão é que Luciana acabou por ser expulsa, a professora conversou com a diretora e ela me ligou em seguida dizendo que Luciana era uma menina problemática e que eles não admitiam alunos assim. Parece que os pais dos alunos fizeram um baita escândalo e disseram que se não expulsassem Luciana, tirariam seus filhos e manchariam o nome da escola nos jornais, a diretora estava eufórica. Eu não acredito que nossa Luci tenha feito nada de ruim, mas não quero problemas com essas pessoas. Tenho medo que a levem de nós, pois você sabe, não a adotamos legalmente.
Os dois se abraçaram, tristes, aborrecidos, decepcionados e um tanto confusos... O que Luciana teria feito para ser tratada dessa forma? Eles não sabiam, teriam que ter uma conversa séria com ela. Aquela história estava muito estranha, e não tinha como dois adultos acreditarem em algo como mudança de cor de cabelo... Isso era algo que não entrava na cabeça deles...
-Vai acordá-la? - perguntou George.
-Não, deixe-a dormir. Mais tarde nós falaremos com ela, por enquanto deixe ela viver sua fantasia em seus sonhos, deixe que descanse.- Eles foram para a sala assistir seus programas de TV, e deixaram Luci quietinha no quarto dormindo. Luciana estava triste e magoada consigo mesma, uma tristeza tão profunda e tão grande, que até nos seus sonhos ela chorava e se sentia culpada.
Sofia entrou no quarto, e foi ficar ao lado dela, sentia uma sensação de mudança em sua dona, e quis ficar por perto para protegê-la. Sofia conseguia captar os sentimentos de Luciana, porque foi criada pelo pai dela, com dons para cuidar dela no que fosse preciso. 
Por isso, quando Luciana estava mal, Sofia ficava agitada, e quando sentia sua amiga triste, tentava confortá-la. Fará tudo para proteger sua querida dona, mesmo que isso lhe custe a vida, pois foi para isso que fora criada, e é para isso que vivia.

6 comentários:

BeAz disse...

Não entendo porque no primeiro ano a professora foi tão exigente ao ponto de humilhar Luci e nem sequer fez perguntas aos outros alunos, também ela não gostava de Luci por ser branquinha?
Ainda bem que ela tem Sofia do seu lado, talvez ela consiga contar para Luci as suas origens!
Beijinho!

Ads disse...

que frase linda essa ultima qw'

Simy (Diários The Sims) disse...

Espero que dessa vez o George e a Augusta acreditem na história da Luci!
Beijos.

http://diariosthesims.blogspot.com.br/

Julliana Rodrigues disse...

Poxa, não entendo porque os avós da Luci não estão acreditando nela, logo a Luci, que sempre foi uma menina tão boa e verdadeira. =/
Amo seu blog Cici.
BeiJuuh<3

lucy disse...

amei amei amei...
depois dá uma olhadinha no meu novo blog> diariodeumamimada.blogspot.com.br

Dulce Gagaturno disse...

Eu vou parar por aqui hoje, mais tenho certeza que a Luci vai revolucionar isto tudo eu boto fé nesta garota ela é Fantástica